Jean Wyllys processará Ratinho por espalhar fake news em programa

Ex-deputado do PSOL-RJ, Jean Wyllys irá processar o apresentadora Ratinho, do SBT, por calúnia e difamação. Durante programa do Ratinho nessa terça-feira (18), que ficou marcado pela presença de Sergio Moro, o apresentador afirmou que um milionário russo teria dado dinheiro para um jornalista. As informações são da colunista Mônica Bergamo, da Folha de S. Paulo.

“Esse jornalista é namorado de um deputado e comprou o mandato do deputado Jean Wyllys. Tudo isso eu recebi, não sei se é fake news. Recebi! Se for verdade, é muito maior do que a gente imagina. Porque envolve outro país”, afirmou Ratinho, segundo o Terra.

Após a divulgação do escândalo envolvendo o nome do ministro Sergio Moro, Glenn Greenwald e o site The Intercept Brasil passaram a sofrer ataques na internet.

Um deles afirmava que o jornalista era financiado por um bilionário que teria comprado o mandato do ex-deputado, que, por sua vez, teria renunciado para que Davi Miranda, marido de Greenwald, suplente de Wyllys, assumisse o cargo. A fake news foi divulgada por uma página chamada ‘O Pavão’.

20/06/2019

(Visited 1 times, 1 visits today)